Quantos Beijos

gravada em
 Vadico e Noel Rosa - 1936

Não andava com dinheiro todo dia
Para sempre dar o que você queria
Mas quando eu satisfazia os teus desejos
Quantas juras! Quantos beijos!

Quantos beijos quando eu saía
Meu deus, quanta hipocrisia!
Meu amor fiel você traía
Só eu é quem não sabia
Ai ai meu deus mas quantos beijos...

Não esqueço aquelas frases sem sentido
Que você dizia sempre ao meu ouvido
Você porém mentia em todos os ensejos
Quantas juras! Quantos beijos!


Ná: voz / afoxé
Hélio: voz / cavaquinho
Akira: baixo
Paulo: guitarra
Gal: bateria